30/06/2006

Cozinhar Arroz

Há uns anos, numa daquelas formações comportamentais (acho que era de técnicas de negociação mas não é importante), ouvi uma frase cujo significado me ficou até hoje e que era qualquer coisa como:
"Não vale a pena discutir se não é para cozinhar arroz".
E que quer esta frase dizer? Que se não existe a necessidade de chegar a um acordo, para satisfazer um determinado objectivo (o tal cozinhar do arroz), então também não vale a pena gastar as forças a discutir e a querer obrigar os outros a ter a mesma opinião, ou chegar às mesmas conclusões que nós. Esta teoria fez-me pensar muito na altura e nunca mais deixou de me fazer pensar. Sempre que discuto com alguém um ponto de vista e não concordamos penso sempre "vale a pena querer que a outra pessoa tenha a mesma opinião que eu? Precisamos de concordar para algum fim?". Acreditam que me tem poupado muitas discussões? Eu sempre adorei discutir, sempre achei saudável algumas discussões, mas gastei muitas das minhas energias em discussões ridículas. Fico melhor se todas as pessoas concordarem comigo? Não, fico na mesma e penso "Se não é para cozinhar arroz não vale a pena".

P.S. E vem isto a propósito de quê? Das energias dispendidas em conversas parvas e sem fim.

2 comentários:

Buxi disse...

Esse pensamento lembra-me também um que se passou numa situação comigo. Não é bem a mesma coisa mas tem pontos em que se tocam.
Há uns anos estava a estudar para a prova de acesso de matemática para entrar para a faculdade.
A minha tia dava-me explicações porque ela era mesmo professora de matemática.
A certo ponto não conseguia fazer um exercicio e como tinha aspirações a perfeccionista (lol, já me passou) comecei a chorar. A minha tia com um ar muito calmo, virou-se pra mim e disse-me:

"Mas preocupar não resolve os problemas pois não?"
E fiquei com ar de parva a olhar pra ela e realmente consegui interiorizar a mensagem. Chorando ou não, as coisas tem o mesmo curso, por isso, mais vale estar relaxada do que me preocupar.
E a partir dai tomei uma atitude mais descontraida em relação a certos stresses.

Carlota disse...

Bem vinda Buxi, Também gosto desse :)